Tags

, , , , , , , , ,

Este é um assunto bem amplo. Existem muitas diferenças no tratamento do lixo no Canadá em relação ao Brasil. Aqui, existem dezenas de tratamentos diferentes para diferentes tipos de lixo.

Vamos começar pelo básico.

O lixo doméstico comum é (atualmente) dividido em reciclável e não reciclável.

O caminhão passa apenas uma vez por semana pra cada tipo de lixo. Um dia para coletar o reciclável e depois um outro dia para coletar o não reciclável.

O lixo reciclável é sempre coletado de forma automatizada. Devemos colocar o lixo numa lixeira azul padrão, fornecida pela prefeitura. O caminhão passa, um braço automatizado pega a lixeira e vira o conteúdo para dentro do caminhão. O lixeiro nem sai de dentro do veículo. A cada semana você só pode colocar pra coleta o lixo que couber na lixeira. Se colocar lixo fora da lixeira, além do caminhão não levar, você pode tomar uma bela multa. Na lixeira de reciclável não é permitido colocar qualquer material reciclável. Apenas embalagens e impressos (papéis, revistas, jornais, etc). Se você tiver um pedaço de metal aleatório, por exemplo, não pode colocar na lixeira de recicláveis. Nem na de não recicláveis. Veremos mais abaixo o destino correto.

coleta automatizada

coleta automatizada

O lixo doméstico não reciclável deve ser colocado numa lixeira preta ou verde, também padrão. Em muitos lugares a coleta do não reciclável não é automatizada, então ainda é permitido colocar o lixo em um saco preto, fora da lixeira. Mas isto está acabando. Aqui na nossa cidade mesmo isto vai acabar este ano. A prefeitura acabou de avisar que quem não tem a lixeira preta ou verde, precisará comprar este ano. A coleta será totalmente automatizada, como a de recicláveis.

Aviso e especificações da nova lixeira

Aviso e especificações da nova lixeira

As prefeituras agora estão começando a implantar também uma terceira coleta. A de lixo orgânico (restos de alimentos). Será uma lixeira marrom. Aqui na nossa região está sendo construída uma mega usina de compostagem. O lixo orgânico coletado será decomposto nesta usina. O objetivo é reduzir ainda mais o lixo não reciclável e não compostável.

Então, em breve teremos 3 lixeiras na frente de casa! Com a implantação final das 3 lixeiras, será abolido o uso de sacos plásticos. As pessoas terão que jogar o lixo diretamente na lixeira, sem saco.

Para que o lixo residencial seja ainda menor, a maioria das prefeituras oferece subsídios para a compra de caixas de compostagem residencial e fraldas reutilizáveis.

caixa de compostagem

caixa de compostagem

Como disse acima, muitos itens são recicláveis ou compostáveis, mas não podem ser jogados em nenhuma das 3 lixeiras residenciais.

Produtos com elementos químicos perigosos devem ser recolhidos pelos próprios comerciantes que os vendem. Exemplo: óleos de carro, latas de tinta, lâmpadas, produtos eletrônicos, pilhas. As mesmas lojas que vendem estes produtos devem se ocupar do processo de reciclagem.

Outros itens precisam ser levados em um ecocentro. Toda cidade ou bairro tem um ecocentro. Neste local centralizado, eles recolhem e dão o destino correto para alguns tipos de lixo que não podem ser despejados no lixo doméstico. Exemplo: quantidades muito grandes de papelão, pneus e peças de carro, materiais de construção e entulho, produtos químicos, medicamentos e seringas, pedaços de metais ou plásticos (que não são embalagens).

Existem também coletas especiais para itens sazonais, como árvores de natal naturais, abóboras de Halloween e folhas secas. Tudo isto é levado para compostagem.

Garrafas e latas de bebidas podem ser jogadas no lixo reciclável. Porém, o ideal é levá-las de volta ao supermercado e depositá-las nas máquinas de consignação. Assim, você recebe de volta de 5 a 20 centavos por lata/garrafa. Não é um pagamento. É uma devolução, pois quando você compra a bebida, esses centavos a mais são cobrados.

máquina de latas (crédito: lapresse.ca)

máquina de latas (crédito: lapresse.ca)

São muitas opções de lixos e processos de reciclagem. Às vezes ficamos confusos se podemos colocar algo no lixo ou não. Esses processos são levados a sério. Colocar algo no lixo errado pode dar multa.

Mas se é para o bem do planeta, vale a pena, não é?

Até a próxima!

Anúncios