Tags

, , ,

Na semana passada fizemos uma coisa que estamos enrolando há 4 anos. Contratamos uma empresa para instalar um poste para colocarmos um varal aqui em casa. Então resolvi escrever sobre isso pois varal é uma coisa diferente aqui no Canadá.

Os varais do Brasil são diferentes dos daqui. Lá existem basicamente 2 tipos. Um deles é simplesmente uma ou mais cordas penduradas entre duas paredes. Mais comum para quem mora em casa. Em apartamentos geralmente se utiliza aquele varal metálico que você sobe e desce com um a ajuda de um fio preso na parede e no teto.

Aqui no Canadá os varais são diferentes. Primeiro que em apartamentos não existe varal, pois não tem área de serviço. Então se você não quiser secar a roupa na secadora, precisa usar aqueles varais de chão na varanda. Tipo assim:

Aliás, os varais de chão daqui são de qualidade beeem melhor que os do Brasil

Aliás, os varais de chão daqui são de qualidade beeem melhor que os do Brasil

 

Mas se você mora numa casa e quer que suas roupas tomem um solzinho, sem ser num varal de chão, vai precisar de um varal de quintal. Aí que vem a grande diferença.

Primeiro porque as casas daqui não têm muro. Então não tem como simplesmente pregar um gancho num muro e outro na casa. E onde, nesta bendita terra, penduramos nossos varais? Em postes!

Aí existem 2 opções: em postes de energia ou postes metálicos.

É comum aqui no Canadá os cabos de energia e telecom passarem no fundo das casas e não na frente. Então muita gente que tem a “sorte” de ter um poste de eletricidade no quintal de casa, o utiliza como suporte para o seu varal. Até pouco tempo não havia legislação para isso e os varais em postes de energia eram tolerados. Agora me parece que é proibido, mas ainda é muito comum as pessoas prenderem os varais nos postes de madeira das companhias de energia. É interessante em Montréal, que tem muitos prédios de 3 andares, os plexes. Muita gente pendura varais nos fundos dos prédios, presos nos postes de madeira. Aí ficam vários andares de varal no mesmo poste.

Foto: Flickr

Mas se você não tiver um poste de eletricidade ou não quiser utilizá-lo para seu varal, terá que instalar seu próprio poste. E é isto que estávamos enrolando para fazer. Porque não é algo que você consiga fazer por conta própria. Tem que chamar uma empresa especializada, que vai fazer um buraco profundo para a fundação e instalar o poste metálico numa base de concreto. Só que isso normalmente custa uns 500 dólares! Só para instalar um poste. Um. Se quiser dois, é o dobro.

Aí este ano demos uma pesquisada e encontramos uma empresa aqui perto que faz o mesmo serviço por $280! Desta vez não hesitamos e finalmente contratamos nosso poste! Eles vieram esses dias aqui e instalaram em poucos minutos.

Bom, tudo isso só para falar do poste. Mas ainda falta o varal em si, a corda, que é diferente das que vemos no Brasil também. Primeiro que no Brasil geralmente são cordas de nylon. Aqui são cabos de aço revestidos com uma camada transparente de PVC. Super bons esses cabos! E eles são vendidos nuns kits que vêm com polias e outros acessórios. Assim:

Kit de varal

Kit de varal

Aí eles já instalam o poste com um gancho para prender uma dessas polias. Você pode prender a outra polia na parede de casa, parafusando um desses ganchos que vêm no kit. Aí basta passar o cabo de aço de uma ponta à outra, cortar o excedente e prender as duas extremidades com a ajuda dessa peça em forma de borboleta. Aí você vai girando essa borboleta para esticar o cabo e deixá-lo o mais tenso possível para não curvar tanto com o peso das roupas.

A perspicácia deste sistema é que você não precisa sair do lugar para pendurar as roupas. você vai simplesmente empurrando a corda, as polias vão girando e as roupas vão indo para o fundo do quintal. Depois para recolher é só ir puxando a corda de volta. Como isso é útil!

Fica assim

Fica assim

Agora só falta voltar o calor, que este ano está difícil.

Até o próximo post!

PS: Como ando com pouco assunto, estou pensando em criar um Instagram para divulgar umas fotos aleatórias do Canadá segundo nós, brasileiros. O que acham?

Anúncios