Tags

,

Essa é daquelas coisas que você nunca imaginaria até vir morar no Canadá.

Esta é uma época do ano em que acontecem muitas coisas. Halloween, as cores do outono, folhas caindo, pessoas preparando as casas e carros para o inverno, estoque sazonal das lojas mudando, patos migrando para o sul e… infestação de joaninhas. Sim, joaninhas! Aqueles simpáticos bichinhos invadem nossas casas nesta época.

Aqui são mais comuns as joaninhas amarelas. Pesquisando na internet, descobri que joaninhas hibernam. E que nesta época do ano elas procuram um lugar quentinho para se aconchegar durante o inverno.

E nada melhor que uma residência humana, aquecida, para morar.

img_7387

Não seria um grande incômodo se fossem uma, duas ou três. Talvez uma dezena ainda desse para suportar e espantar para fora de casa sem matá-las.

Mas quando chegam a dezenas, centenas e, em alguns casos, milhares, a coisa muda de lado. Elas passam a ser bem irritantes.

img_7388

Não tem muito o que fazer. É importante vedar frestas da casa, manter as redes nas portas e janelas e tal para pelo menos evitar grandes infestações. Mesmo assim elas acham um atalho e entram. Principalmente quando abrimos uma porta ao entrar ou sair de casa.

Hoje a Camila descobriu que joaninhas picam! Sim, picam! Bizarro, né?

Bom, agora vou lá aspirar umas joaninhas, melhor jeito de eliminá-las. Até porque “matar joaninhas” parece algo muito psicopata. Na verdade recomenda-se não matá-las, pois elas se alimentam de pequenas pragas no jardim. Elas são aliadas das plantas e gramas.

Au revoir!