Tags

, , , ,

Julho e agosto são os meses em que as pessoas mais tiram férias no Canadá. Quase todo mundo sai de férias nesta época.

Como já mencionei nos posts anteriores, nós também tiramos as nossas. Aliás, ainda estamos de férias, mas acabamos de voltar de uma viagem aos Estados Unidos, para conhecer algumas praias americanas. Foi bem legal. Algumas praias que conhecemos são muito bonitas, vale a pena.

Não vou contar muitos detalhes das praias americanas pois afinal o blog é sobre o Canadá! Mas vejam abaixo por onde passamos. Conhecemos praticamente todo o litoral de New Jersey, Delaware e Maryland. Principais cidades por onde passamos: Atlantic City (NJ), Ocean City (NJ), Wildwoods (NJ), Cape May (NJ), Rehoboth Beach (DE), Ocean City (MD).

Nossas Férias

Nossas Férias

Cape May, NJ

Cape May, NJ

Rodamos mais de 2,5 mil km. Fomos com nosso próprio carro. A fronteira com os EUA fica pertinho de Montréal, cerca de 20 minutos. Passar pela fronteira de carro foi novidade para nós. A gente chega numa espécie de pedágio, mostra os documentos e o cara nos direciona para a imigração, onde respondemos algumas perguntas, eles carimbam os passaportes e pronto. Podemos seguir viagem. Cidadãos canadenses podem tirar uma espécie de passe livre e entrar rapidamente nos EUA, sem passar pela imigração.

Na volta, foi mais rápido ainda. Apenas paramos na cabine (como de um pedágio também), mostramos os documentos, respondemos algumas perguntas e pudemos seguir de volta pra casa.

Nossa leitora Letícia perguntou como é a legislação de férias no Canadá.

Na verdade a legislação é bem flexível e deixa a cargo das empresas definirem com os sindicatos como as férias serão administradas. Caso a empresa não tenha nenhuma regra especial, o básico é:

– até 1 ano de trabalho: 1 dia útil para cada mês trabalhado

– de 1 a 5 anos: 2 semanas (10 dias úteis) de férias pagas por ano

– mais de 5 anos: 3 semanas (15 dias úteis) de férias pagas por ano

A empresa onde trabalho é mais generosa e dá 18 dias úteis nos primeiros anos e com o tempo pode chegar a 28 dias úteis.

A grande maioria das empresas permite o desmembramento das férias em quantas parcelas o trabalhador quiser. Então você pode usar seus 15 dias úteis e tirar 15 sextas-feiras, por exemplo, e ter 15 finais de semana prolongados, ao invés de férias contínuas. Ou então pegar 3 semanas separadas no ano. Ou usar os dias para emendar feriados. Enfim, qualquer combinação é possível.

As férias são remuneradas, isto é, você recebe como dias trabalhados. Porém não existe aquele acréscimo de 1/3 que existe no Brasil. Algumas empresas pagam as férias durante todo o ano, junto com cada pagamento de salário. Então o trabalhador precisa administrar esse dinheiro, pois durante a ausência ele não receberá o salário, já que as férias já foram pagas com pequenos acréscimos no holerite. Outras empresas pagam no momento em que você tira as férias, como se fosse seu salário normal.

Como dizia no começo do post, muita gente tira férias no verão. Claro, para poder aproveitar o calor com a família. Na escola, as crianças têm julho e agosto inteiros de férias.

Há quem prefira tirar férias no inverno, para poder viajar para um lugar bem quente e fugir do frio insano que faz em janeiro e fevereiro.

No nosso caso, o plano é dividir as férias. Um pouco no verão e um pouco no inverno!

Até o próximo post!

Anúncios